banner_post_blog

O Lado Bom do Isolamento Social Pelo COVID-19

As listas de coisas do que é possível se fazer em meio ao isolamento social causado pela Pandemia da COVID-19 já foram bastante citadas, vimos diversas listas, mas se você não viu, não se preocupe, listaremos algumas coisas aqui também, que nós podemos nos focar agora.

Acredito, antes de entrar no assunto, que sou do time que pensa que seja impossível passar por esse período sem mudanças efetivas. No jornal se fala de perfis de consumo, de comportamento, economia e até mesmo saúde. Mas acredito que o principal é o retorno ao valor da vida, em parar e ver suas relações humanas com mais profundidade.

Para as mamães de plantão, de filhos pequenos ou grandes, o estudo, dentro de casa, vai trazer, dentro da minha percepção, um novo prisma para educação. Dentro da minha experiência, ver e entender até mesmo como os professores se comportam com os pequenos é impressionante em evolução ao que eu vivi como estudante. Ou seja, mais mudança.

Fora isso, o consumir realmente é necessário para a roda girar, mas o que temos visto, é que vivíamos de uma forma insustentável, seja social, seja por recursos.

Logo, esses já quase vinte dias de Isolamento Social já devem ter te ensinado algumas coisas, certo? E então vai uma pequena lista para ajudar:

  • Cursos, workshops e conteúdos, tudo disponível na internet. Sejam as Lives de Instagram com um montão de gente bacana ou a cursos de instituição de ensino mesmo. Dá uma googladinha ai, que vai achar um curso legal para se aprimorar. O velho e bom excel, sempre tem coisas para serem aprendidas e são fantásticos para ajudar alguma tabulação de e-mail ou ainda ver algum KPI rapidinho para alguma decisão, certo?
  • Além de aspectos técnicos, é possível investir no aperfeiçoamento das soft skills. Eu particularmente me empenhei em Inteligência Emocional e conteúdos que tragam compreensão de valores e planejamento de vida e carreira.
  • Fora isso, quanta atividade física tem instruções bacanas na internet, né? Fui de Yoga a Fit Dance com coreografias do “É o Tchan”, para quem é da geração Y, deve ter curtido isso entre infância a adolescência.
  • Brincar com os filhos! Para quem vivia em trânsito, conseguir brincar com os filhos é sensacional.
  • Comer melhor! Cozinhar, para quem gosta, aprender a cozinhar para quem não gosta, se for o caso. Alguma pequena coisa como um aperitivo, enquanto faz home office, por exemplo, torradinhas com manteiga e orégano para tomar com um chá! Pronto, você já está cozinhando. Delicioso e um carinho para o coração.
  • Ou simplesmente não fazer nada! Qual foi a última vez que você simplesmente não fez nada? Faça, é uma delicia. Não tem contraindicação e pode ser restaurador.

Ouvi entre uma call e outra de homens e mulheres que esses dias estão mais intensos, porque as empregadas domésticas foram dispensadas, todos têm trabalho demais, entre mais trabalho doméstico e mais trabalho corporativo para criar alternativas para vencer este momento.

Então, o primeiro conselho, se você está ai, é calma! Planeje-se. O mais importante agora é ter saúde e, sem dúvidas, cuidar-se e diria até repensar no que é valor para você.

E segundo, ajude alguém se puder, senão puder, tudo bem também. Não se cobre! Faça o que estiver a seu alcance.

Seguem alguns links para ajudar com aprendizado gratuito:

Ateliê Digital do Google

Linkedin Learning

Por Mieko Miyai 

Head do Online e Business Intelligence da Cavenaghi e atua com a gestão dos projetos digitais da empresa com foco em: Internet, UX voltada a Pessoas com Deficiência Física, B2B, Televendas, Estratégia Digital e Integração dos Canais de vendas através de OmniChannel. Atua há 10 anos em E-commerces de Nicho. 

+55 (11) 99121-1993 
Linkedin: https://www.linkedin.com/in/michelli-mieko-miyai-b18a72a/

Tags: No tags
6

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *