155638-OUET39-141

3 Ações Fundamentais no Desenvolvimento de Equipes de Sucesso

Às vezes pode parecer que é muito difícil ter uma equipe estruturada e bem desenvolvida, que está contigo para o que der e vier. Algumas incertezas surgem e colocam em check se você é realmente capaz de liderar um grupo e realmente sentir que está no caminho certo, que tem a sua equipe contigo, sentir que estão se desenvolvendo e o melhor, atingindo os resultados esperados e combinados. 

Mas, daí é que vem a minha pergunta: Será que você tem tido a postura adequada e executado as ações necessárias para que o teu time cresça? Para que o teu time sinta que tem uma gestão próxima, que acredita e evidencia o potencial dos liderados? 

A proposta hoje aqui é te mostrar que com três ações já é possível virar o jogo na gestão de pessoas e conseguir resultados impactantes


Donos dos processos

A primeira ação é definir donos dos processos. As pessoas que estão contigo precisam saber exatamente quais são as responsabilidades delas, e como elas serão acompanhadas. Você precisa saber quais são os seus processos mais importantes e compartilhar com seu time de forma clara. Mostre a importância que este processo e ou tarefa tem no todo. 

Tenha conversas com as pessoas e entenda onde ela gostaria de se desenvolver, quais são as tarefas que elas mais gostam e em quais tarefas elas realmente gostariam de trabalhar. Abrir este caminho cria uma ótima conexão e mostra para os seus liderados que você se importa com o que eles querem para o dia a dia deles. Claro que ajustes serão necessários, mas abra discussões para decidirem juntos, quem será o dono do que. Isto fará com que as pessoas se comprometam mais e se conectem mais rapidamente com as tarefas que serão da sua responsabilidade. 


Autonomia

A segunda ação é dar autonomia. Mesmo depois dos processos bem divididos e com seus respectivos responsáveis, as pessoas podem ficar com receio de tomar decisões, elas normalmente têm medo de errar, sabemos que a responsabilidade traz algumas angústias e estas acabam por paralisar algumas pessoas. 

Existem algumas formas de minimizar isto, mas acredito muito em um bom treinamento, que pode ser efetuado com acompanhamentos diários direto na rotina, mas o que muda o jogo mesmo é você enfatizar para a pessoa a autonomia que ela tem, deixe claro quais são as decisões que ela pode tomar, até onde pode ir e em qual ponto precisará pedir ajuda. 

Depois desta fase, em reuniões de rotina não dê respostas, peça respostas. Incentive a sua equipe a buscar soluções e sempre fomentando a autonomia.

Respeito

A terceira ação é mostrar a importância do respeito. Essa ação é a que desenvolve profissionais com brilho nos olhos, que são diferenciados e que realmente se importam com o seu crescimento e com o seu desempenho.

Quando sua equipe já tiver passado pelas duas ações anteriores, o caminho já estará aberto, mas aí vão surgir intervenções externas, coisas menos legais vão acontecer no percurso. 

Por isso, ensine-os a respeitarem as próprias decisões, defenderem aquilo que criaram, e pontuar que não devem se deixar levar facilmente por um erro ou situação com outros membros da equipe. Ensine aos membros da equipe que devem acreditar e defender os processos que criaram, as formas de trabalho que estipularam. Isso faz com que as pessoas sejam mais responsáveis e zelem por aquilo que está sob sua responsabilidade

É aqui que você enquanto gestor vai conseguir fazer com que os processos que foram criados, sejam executados com excelência, com respeito. Nada de furos, nada de deixar coisas por fazer sem avisar ninguém, nada de não fazer porque fulano falou que não precisava, e por aí vai. É responsabilizando, dando autonomia e ensinando a importância do respeito ao processo que a sua equipe será um sucesso. 

E você gestor, saiba que antes de ensinar estas três ações para os seus colaboradores, deverá praticá-las no seu dia a dia, dentro das suas próprias tarefas. 

Respeite suas decisões, respeite os processos, dê autonomia para as pessoas!

Por Amanda Sousa 

Mentora de gestores, com mais de 10 anos de experiência. Fundadora da QSG empresa de educação de competências. Diretora no KuantoKusta, um dos maiores sites de Portugal.
Graduada em logística, Gestão de Projetos e Processos. PMI e BPM.
Especialista em gestão de Pessoas e Projetos de TI, com mais de 50 projetos implantados e mais de 27.000 horas de gestão.
Foi gerente em empresas como B2W e Dafiti, os maiores e-commerces da América Latina.
Executive Coach e Business Coach no Brasil e em Portugal.
Embaixadora do Mulheres no e-commerce Portugal. Movimento com mais de 8.000 mulheres.

+351 960 398 874
LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/amandasousaferreira/

Tags: No tags
6

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *